quarta-feira, 1 de novembro de 2017

Porque as microempresas são as que menos sobrevivem no mercado?



Segundo dados divulgados em última pesquisa realizada pelo Sebrae, 45% das microempresas morrem em até dois anos após a sua abertura.  Entre os principais motivos apontados estão a alta carga tributária, a crise econômica do país que diminuiu o poder de compra dos consumidores, o endividamento já na fase inicial do negócio e a inexperiência em gestão dos donos dos pequenos negócios. 

Na pesquisa foram apontados como fatores de mortalidade e sobrevivência a situação antes da abertura da empresa.

- Tipo de ocupação do empresário (Desempregado)
- Experiência no ramo (Pouca experiência no ramo)
- Motivação para abrir o negócio (Necessidade ou exigência do cliente/fornecedor)
- Planejamento do negócio (Tiveram pouco tempo para planejar o negócio)
- Gestão do negócio (Não conseguiram negociar com fornecedores, obter empréstimos bancários, não capacitaram a sua mão de obra e não tiveram controle de receitas e despesas)
- Capacitação dos donos em gestão empresarial (Não investiram na sua própria capacitação para aprender a gerir o próprio negócio)

Na mesma pesquisa eles apontam uma taxa bem menor para as empresas enquadradas no MEI, com uma mortalidade de apenas 13%, o que nos leva à crer que o fato da carga tributária ser bem menor e a maioria dos negócios já existirem anteriormente na informalidade, ajudaram essas empresas à terem uma chance maior de sobrevivência.

No caso das EPP's - com uma taxa de mortalidade de apenas 2%, apontamos o inverso do que acontecem nas ME's porque essas empresas nascem de uma oportunidade de negócio e não de uma necessidade, geralmente os seus gestores já possuem experiência na área, possuem acesso à capitais de terceiros, fazem o planejamento, buscam qualificar a sua equipe, inovar nos produtos e serviços e se capacitar para gerir o negócio.



Fonte: Sebrae


quinta-feira, 26 de outubro de 2017

10 Passos para quem quer iniciar um negócio


1 - Defina o portfólio de serviços que irá prestar ou produtos que irá vender e pesquise o mercado e seus prováveis concorrentes.
2 - Defina se o seu negócio será físico, virtual ou ambos.
3 - Se for físico a escolha do ponto é o que vai garantir junto com outras ações a sobrevivência do negócio; Se for virtual a contratação de uma agência para desenvolvimento do site, divulgação e dinamização das vendas é o mais importante.
4 - Faça um planejamento financeiro de quanto irá gastar, desde os gastos mínimos com documentação para a legalização da empresa até o dia da inauguração do empreendimento. Esse planejamento deve conter os gastos de cada etapa e o tempo que será dispendido para a execução.
5 - Procure uma assessoria contábil que ofereça mais do que a gestão tributária dos seus impostos. A contabilidade para as pequenas e médias empresas deve ser uma fonte de informações e apoio que irão de ajudar a tomar as decisões certas para o seu negócio.
6 - Defina a sua ação de vendas e marketing pensando no seu público alvo e nas preferências dele, pois o que da certo para um outro negócio pode não dar certo para o seu por terem públicos diferentes.
7 - Controle as finanças da empresa diariamente e nunca misture a sua conta física com a conta da sua empresa.
8 - Nos primeiros seis meses de vida do seu negócio o ideal é que você não dependa dele para viver, pois pode acabar tirando dinheiro do seu capital de giro para pagar o seu salário e ficar sem ter como reinvestir em novas mercadorias e serviços. Se isso não for possível defina um valor mensal máximo para retirada que não prejudique o caixa da empresa.
9 - Faça um fluxo de caixa projetado com uma visão de pelo menos três meses à frente, isso irá ter ajudar à reagir com antecedência diante de uma possível queda nas vendas ou alta de matéria prima e mercadorias de reposição que podem diminuir a sua margem de lucro.
10 - Quem disse que ser empreendedor seria fácil? Quando aparecer alguma dificuldade, analise cada um dos pontos que talvez tenham passado despercebido. Ponto, preço, prazo, fornecedor, ação de vendas, gestão financeira e gestão administrativa. Em algum lugar você errou, então corrija o erro e recomece, se você chegou até aí com certeza já é um vencedor. 

terça-feira, 17 de outubro de 2017

PALESTRA CONSULTÓRIO FARMACÊUTICO

Palestra: Consultório Farmacêutico

No dia 22.09.2017 a Vínculo Empresarial Contabilidade promoveu a palestra"Consultório Farmacêutico! O que muda na sua drogaria com a nova legislação". Na palestra, que contou com a presença de empresários e farmacêuticos do ramo de drogarias, foi abordada a legislação com base na CVS 01/2017 que regulamentou no Estado de São Paulo como atividade econômica o Consultório Farmacêutico. Os principais aspectos expostos na palestra foram: As mudanças que ocorrerão em torno do comércio varejista de medicamentos à partir dessa nova realidade; E de como as drogarias devem se adequar diante dessa perspectiva de mercado, que coloca a drogaria como "Estabelecimento de saúde" e não mais como um estabelecimento puramente comercial. Segundo a palestrante Glícia Soares, Diretora da Vínculo Contabilidade, o intuito da palestra foi esclarecer e dar oportunidade para farmacêuticos e empresários do ramo de implantarem o consultório farmacêutico como diferencial na sua drogaria, diferencial esse que já está sendo visto com grande interesse pelas grandes redes. A Vínculo está planejando para o final do mês de novembro um treinamento dirigido para o ramo para que possam ampliar e por em prática o conhecimento já abordado na palestra.

quarta-feira, 21 de setembro de 2016

Primeira parcela do 13° salário

Você já se preparou para as contas do fim do ano? No dia 30 de novembro vence a primeira parcela do 13° salário. Bom para quem é empregado, uma despesa a mais para o empregador. Infelizmente a maioria das empresas não se preparam para estas despesas extras da dos meses de novembro e dezembro, assim também ocorre com a programação de férias dos funcionários e as rescisões contratuais. O correto é você provisionar mensalmente o 13° salário, as férias e as verbas rescisórias, que dependendo da época do ano em que acontecem podem realmente deixar a empresa em uma situação financeira complicada, principalmente em tempos de crise.
Mas como fazer isso? Para férias, 13° e aviso prévio indenizado o ideal é você dividir o salário por 12 e guardar mensalmente a parcela que cabe à cada uma dessas verbas, no caso das férias mais 1/3 também dividido por 12.
Em relação a multa sobre o FGTS você deve provisionar mensalmente 50% do valor do depósito mensal de cada funcionário. Essa é a melhor forma de planejar os imprevistos futuros que são praticamente certos.

Legaliza a sua empresa

Não deixe que a crise mude os seus planos. Os vencedores são os que aproveitam a crise para inovar e não os que se deixam abater por ela. Por isso abra a sua empresa, legalize-se, prepare-se, pois as oportunidades não esperam. Diariamente recebemos pessoas na Vínculo desesperadas porque não acreditaram em si mesmas, mas  conseguiram ganhar uma concorrência, fechar um contrato com um novo cliente, ou viram surgir uma grande oportunidade, mas não possuem empresa aberta, ou estão com a documentação irregular, ou sem ter como emitir Notas Fiscais e Certidões necessárias para iniciarem a sua prestação de Serviços ou o seu projeto. Não deixe isso acontecer com você, estamos aqui para fazer o melhor para a sua empresa. Fone: 4566-1256 / 3418-1112.

Micro e Pequenas empresas na Mira da Receita Federal

Como estão os débitos da sua empresa? Qual a situação fiscal da sua empresa? Não perca tempo, verifique, regularize-se. Dúvidas Fone: 4566-1256 / 4566-1257 Vínculo Empresarial Contabilidade.

Se a sua empresa possui débitos do Simples Nacional ou da previdência Social, estará na mira da Receita Federal à partir de 26.09.2016. Segundo comunicado, que está sendo amplamente divulgado pela Receita Federal, as empresas inadimplentes que tenham débitos não parcelados ou sem exigibilidade suspensa serão excluídas por ofício, caso não paguem à vista ou parcelem os seus débitos no prazo de 30 dias após a notificação.
O Ato Declaratório Executivo (ADE) estará disponível no Domicílio Tributário Eletrônico (DTE-SN) e poderá ser acessado via certificado digital ou com código de acesso. À partir da sua emissão são contados 45 dias para que os contribuintes tomem ciência do conteúdo e regularize as pendências no prazo de 30 dias. Caso os contribuintes não tomem ciência no prazo estipulado ele se tornará ciente por decurso de prazo no 45° dia da disponibilização do (ADE) e estará excluída do Simples Nacional à partir de 01.01.2017.

sexta-feira, 1 de janeiro de 2016

POLÍTICA DE PRIVACIDADE

POLÍTICA DE PRIVACIDADE

A Vinculo Empresarial, se preocupa com a sua privacidade por isso achamos importante que você saiba de que forma usamos os seus dados captados nas nossas páginas www.vinculoempresarial.com.br www.vinculoempresarial.blogspot.com e https://www.facebook.com/vinculoempresarialcontabilidade/. Caso não concorde com a nossa politica não se inscreva nas nossas páginas para obter serviços, materiais ou se cadastrar em palestras e cursos online e presenciais.

COLETA DE DADOS:
Coletamos os dados pessoais através de seu cadastro espontâneo em nossas páginas através de formulários preenchidos por você para download de materiais gratuitos e cadastro para eventos, ou através de navegação no site via cookes.

USO DE DADOS
A aceitação do presente termo nos permite utilizar os seus dados da seguinte forma:
E-mail quando solicitado envio de material ou newsletter por formulário preenchido por você. Nesses materiais estarão inclusos o nosso Boletim informativo semanal, Revista digital bimestral e novidades e promoções dos nossos serviços quando houver.
O usuário poderá cancelar a qualquer tempo essa assinatura e inibir o envio dos nossos e-mails.
Os dados de visitas em nossas páginas e baixa de material poderão ser divulgados através de dados estatísticos sem que sejam revelados dados pessoais, a não ser por sua autorização explicita da sua parte.
Através dos seus dados poderemos entrar em contato via telefone para fazer pesquisa e ou oferecer os nossos serviços e produtos.
Suas informações pessoais não compartilhadas, à não ser quando houver uma parceria e isso estiver explicito na página acessada.

INFORMAÇÕES PESSOAIS
Somente os nossos funcionários autorizados terão acesso as suas informações pessoais.
Nenhuma informação pessoal será divulgada publicamente.
Nenhuma informação pessoal será passada para terceiros, salvo as exigidas via judicial.
Embora tomemos todos os cuidados necessários em bloqueios e antivírus e proteção em nossas páginas, não podemos nos responsabilizar caso elas sejam invadidas ou ranqueadas.

CONTEÚDO NAS REDES SOCIAIS
Não compartilhamos conteúdo em nome do usuário em sua página. O compartilhamento de nossas postagens é feito pelo próprio usuário por liberalidade ou vontade dele.

USO DE INFORMAÇÕES
As informações dos usuários coletadas através de cookes, software,  landing pages, CRM e e-mail marketing são processadas, analisadas e gerenciadas de forma a resguardar as informações confidenciais de nossos usuários. Já informações como endereço IP, seu browser, preferências, visitas, buscas e pesquisas efetuadas poderão ser usados por nós e por nossos parceiros para utilizar publicidade direcionada de acordo com os seus gostos e preferências.
CANCELAMENTO E EXCLUSÃO DE DADOS PESSOAIS
Você pode inibir o envio de material para o seu e-mail através do link que vai em cada um de nossos materiais para cancelar o seu cadastro, que pode ser reativado quando baixar num novo material.
Para alterar os seus dados cadastrais basta fazer o envio de e-mail solicitando a alteração desejada ou a exclusão da mesma em nosso banco de dados. O e-mail para esta solicitação é contato@vinculoempresarial.com.br
MUDANÇA NA POLITICA DE PRIVACIDADE
A nossa política de privacidade poderá ser alterada a qualquer tempo de acordo com as nossas necessidades, dessa forma solicitamos que sempre fiquem atentos a elas visitando as nossas páginas. Qualquer alteração nessa politica que envolva o uso dos seus dados será feita mediante a sua autorização.
DÚVIDAS E CONTATO
Qualquer dúvida sobre a nossa politica de privacidade podem ser obtidas através do e-mail contato@vinculoempresraial.com.br ou pelos nossos telefones (11) 45661256 (11) 45661257.
Estamos na Rua São João, 269 – sala 1 – Centro – Itapecerica da Serra / São Paulo/SP